Domingo, 31 de Maio de 2009

A ÚLTIMA PRIMEIRA VEZ

Após desligar o telemóvel chega o momento da surpresa!
Bato à porta ... demorou a abrir-se!
Ao contrário de todas as vezes anteriores, não tinha dito que estava vindo ao seu encontro, seria surpresa ...
Sabe bem receber uma visita inesperada, desse alguém que vive ou supostamente viveria em nosso coração e mente apesar dos 2300 km que os separavam!
Quando a porta se abriu, apenas pela troca de olhares pude notar a indiferença, já nada seria como antes!
Troca de olhares, sentimento de saudade ... um abraço trocado com um simples beijo que já não transmite mais o sentimento que até à escassos dias ainda se fazia sentir, apesar da distância, da troca de palavras mais doces e ternurentas ...
Foi tudo muito estranho pela primeira vez. Um sentimento de indiferença percorreu minha mente e me fez relembrar a frase que citei a primeira vez que nos encontramos, como tudo começou ... tudo seria diferente a partir desse momento. A voz, o sorriso meio sem graça, tudo mesmo tão diferente e tão estranho.
A vida é assim, por vezes meio sem graça, o coração nos prega partidas ... andamos neste espaço de tempo ultrapassando a barreira da distância, entre viagens que ambos fizemos!
Ficou tudo meio que sem graça, o sentimento começou a modificar-se, pude sentir isso, mas não quis acreditar! As brincadeiras que existiam, nossos abraços, o toque do corpo. Terminou a emoção, findou o brilho no sorriso, acabou-se aquele brilho nos olhos.
Passou-se o fim de semana e simplesmente parti, com uma ligeira dor dentro do peito, pela a indiferença que quis fazer sentir, mas mal consegui esconder, pela indiferença como me tratou escondendo o que era visível e nem sequer pensou que eu já sabia! Acabei por naturalmente fechar a porta, deixar tudo para trás e ver que a sua vida continua onde sempre esteve. Por vezes queremos simplesmente mudar, sentimos uma força de vontade, mas há sempre algo que não deixa.
Pela primeira vez, fecho uma porta sem olhar para trás, sem derramar uma lágrima, como muitas daquelas que foram ficando bem cá dentro do peito ... vim embora ... mas desta vez para sempre.
Pela primeira vez, saí sem que sentisse que parti com o coração apertado. Pela primeira vez, vim embora sem deixar uma gotinha de esperança, de que pudesse ter-me de volta na vida dela. Pela primeira vez, parti sem que tivessemos trocado mais do que um abraço apertado, e sem lhe dizer o que sabia ...
Pela primeira vez, saí sem ter de pensar em remexer no passado ou chorado porque alguma coisa não deu certo. Pela primeira vez, deixei para trás ... vim embora de verdade e isso foi a última vez.
Na nossa vida tudo é do maneira que tiver de ser ... apenas Deus pode mudar as coisas nela, apenas Ele tem poder para as mudar! Por mais que queiramos, podemos apenas tomar decisões, sejam elas acertadas ou não! Não me arrependo ... arrependendo!
Nem tudo o que se perde tem valor, nem tudo o que é bonito é amor!
Não quero o teu mal ... apena ... Fica bem, SEMPRE bem!
publicado por David Silva às 15:14
link deste sonho | comentar sonho | ver comentários (6) | Captura de sonho
|
Sexta-feira, 13 de Março de 2009

Tem graça como a vida...

(Post de 8 de Março 2009) Gira à volta do amor ... ... trabalha de forma misteriosa! Por vezes dá uma volta de 180 g...

Ler artigo
sinto-me:
publicado por David Silva às 04:10
link deste sonho | comentar sonho | ver comentários (9) | Captura de sonho
|
Terça-feira, 22 de Abril de 2008

Sonhar é preciso ...

Sonhar é sair pela janela da liberdade,é vaguear pelos caminhosproibidos ou não.É, sem ter um rumo qualquer,ter um alvo ...

Ler artigo
publicado por David Silva às 01:54
link deste sonho | comentar sonho | Captura de sonho
|
Quinta-feira, 28 de Fevereiro de 2008

Bolo das realizações

Até onde conseguimos colocar em prática aquilo que aprendemos nas aulas da vida? Uma das ferramentas mais poderosas pa...

Ler artigo
Música: Você não me ensinou a te esquecer - Caetano Veloso
publicado por David Silva às 22:34
link deste sonho | comentar sonho | Captura de sonho
|
Terça-feira, 12 de Junho de 2007

Palavras para quê?

Os dias vão passando e cada vez mais a distância entre dois corações se prolonga, cada minuto passado é um momento perdi...

Ler artigo
sinto-me: Será que o Pai Natal existe?
publicado por David Silva às 00:37
link deste sonho | comentar sonho | Captura de sonho
|
Sexta-feira, 8 de Junho de 2007

Já passamos por uma f...

Cada dia que passa está a tornar-se mais difícil aguentar estar longe de ti, mesmo o simples facto de não te poder ver p...

Ler artigo
sinto-me:
publicado por David Silva às 02:31
link deste sonho | comentar sonho | Captura de sonho
|

Sonha comigo

Janeiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Pesquisar sonhos ...

 

Os meus sonhos ...

A ÚLTIMA PRIMEIRA VEZ

Tem graça como a vida pod...

Sonhar é preciso ...

Bolo das realizações

Palavras para quê?

Já passamos por uma fase ...

Calendário de sonhos ...

tags

todas as tags

Por onde andei sonhando

"Quem viver verá!"

Pedido de ajuda para a An...

Escolhas, sentimentos, pe...

O amor verdadeiro e puro ...

Para ti "Princesa"

Roubo de um coração ...

Amor e paixão

O tempo ...

Promessas

Caminhando para ti

David Silva
David Silva
Create Your Badge
free tracking

Sonhos realizados

Segue o link e ajuda nos sonhos de alguém

Translate this page

blogs SAPO

subscrever feeds

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
eXTReMe Tracker